Tendência nos países desenvolvidos, o coworking chegou ao Brasil com força total para ganhar espaço e se estabelecer definitivamente, reformulando as relações no mundo dos negócios.

Contudo, muitas pessoas ainda ficam na dúvida sobre o real significado da proposta de coworking, quais os principais aspectos envolvidos e também as vantagens em se optar por esse modelo inovador.

Se você quer entender mais sobre coworking – escritórios compartilhados, leia o post a seguir!

O que é coworking?

Trata- se de um local de trabalho compartilhado por diferentes profissionais e empresas, isto é, escritórios de diversos segmentos que estão estabelecidos no mesmo ambiente, e que não necessariamente estão interligados do ponto de vista profissional e/ou comercial.

Como funciona o compartilhamento?

O ambiente do coworking, ao contrário do que se possa imaginar, é extremamente bem equipado e dispõe de toda infraestrutura essencial para o desenvolvimento dos negócios.

Sendo assim, o coworking oferece aos seus usuários salas de reuniões, estações de trabalho individuais, salas de café, banheiros, internet e tudo o que possa facilitar a vida dos profissionais, e diferentes empresas que ali se encontram.

É bastante indicado para empreendedores e empresas que pretendem reduzir custos com escritórios privativos.

Como é feito o pagamento?

Normalmente o usuário paga uma mensalidade, e tem direito a usufruir toda infraestrutura do coworking. Porém, é possível usar o espaço apenas de acordo com a necessidade, de modo que o pagamento pode ser feito por hora ou por dia.

O ponto mais relevante desse modelo é garantir que usuário tenha acesso aos recursos que precisa, gastando apenas o que for justo.

Dicas de layout

Para empresários interessados em reformular o ambiente de trabalho e expandir os negócios, pode ser uma excelente solução, adaptar o escritório já existente e transformá-lo num coworking.

Considerando que os escritórios compartilhados possuem tanto espaços individuais, quanto espaços compartilhados, o mobiliário do coworking deve ser variado.

Todo o layout do espaço deve ser planejado e pensado, levando em conta esses fatores essenciais. O que significa dizer que devem existir puffs ou poltronas para ambientes compartilhados, compondo uma espécie de lounge, bem como grandes mesas para a sala de reunião, mesas menores e sem divisórias para os espaços integrados. Além de mobiliários como baias ou armários, para dividirem os locais que serão individualizados.

Cuidados necessários na montagem

É de suma importância contratar uma empresa para estruturar todo o projeto do coworking, incluindo as questões referentes à obra. Somente profissionais qualificados serão capazes de viabilizar com perfeição o ideal que rege a proposta do coworking.

Vale ressaltar que os escritórios compartilhados não visam exclusivamente à economia, mas têm como fundamento os relacionamentos e networking que pode derivar deles.

O conceito de uma experiência diferenciada, altamente produtiva e lucrativa está intrinsecamente ligado ao coworking. Mais do que um espaço, o coworking pretende ser um dos elementos diferenciais para que negócios de sucesso sejam fechados!

Agora que você já entendeu o que é coworking e quais as principais vantagens dessa modalidade de escritório tão inovadora, descubra porque a arquitetura corporativa é estratégica para um negócio!